Assessoria esportiva melhora o desempenho na corrida?

corrida-em-grupo-470x313Iniciar na corrida nem sempre é fácil, mas depois de começar e provar para si mesmo que é possível fazer 10, 15 ou mais quilômetros, parece que algo transformador acontece: passamos a querer tempos menores e distâncias maiores. Nessa busca por evolução, muitas pessoas optam por contratar uma assessoria esportiva, mas será que existe um momento certo para investir no serviço?

De acordo com o educador físico e triatleta Eduardo Albuquerque, não há um momento tão específico para fazer essa escolha. “A assessoria funciona bem tanto pra quem está iniciando, seja na corrida, triátlon ou mesmo na caminhada, quanto para quem já está num ritmo mais avançado. Na assessoria EDU ULTRA TEAM, por exemplo, temos uma metodologia que atende desde o iniciante, que nunca teve contato com o esporte, até alunos mais experientes, que procuram a melhora de sua performance”, avalia. Continue reading “Assessoria esportiva melhora o desempenho na corrida?”

Menstruação pode influenciar desempenho na corrida

Corredora-cansada-700x325

Sem querer entrar em discussões de gênero, já está mais do que provado que na área esportiva as mulheres conseguem fazer as mesmas coisas que os homens. Contudo, há um fator que as diferencia da ala masculina: a menstruação. Pensando em rendimento, é bastante comum as mulheres que correm se questionarem se o período menstrual pode afetar o desempenho e, de acordo com Eduardo Albuquerque, educador físico, ultramaratonista, triatleta e administrador da assessoria esportiva Edu Ultra Team, a resposta é SIM; porém, em intensidades diferentes variando de mulher para mulher.

“Isso acontece porque as mudanças fisiológicas causadas pelo estrogênio (hormônio sexual feminino produzido pelos ovários e liberado na primeira fase do ciclo menstrual) e pela progesterona (hormônio produzido pelas células do corpo lúteo do ovário) aumentam durante a prática de atividades físicas, principalmente se ela for intensa. Por isso, é importante conhecer o corpo e o fluxo da menstruação, para poder planejar uma rotina de treino adequada”, explica. Continue reading “Menstruação pode influenciar desempenho na corrida”

Cansaço e estresse podem prejudicar o rendimento na corrida

Corredor-cansado-Locos-Por-Correr-motivacion-01A maioria das pessoas tem uma rotina bem agitada, e ao longo do dia há quem precise dividir o tempo entre família, trabalho, estudo e amigos. Para quem treina, essa correria pode ser ainda pior, considerando que é preciso esforçar-se para achar uma brechinha na agenda e cumprir os treinos. Em meio a tantos compromissos, é natural sentir-se fadigado ou estressado, e isso pode fazer toda a diferença nos resultados.

De acordo com Eduardo Albuquerque, educador físico, ultramaratonista, triatleta e administrador da assessoria esportiva Edu Ultra Team, a relação entre treinamento e rendimento é relativa. “É muito comum me perguntam se o cansaço ou estresse fazem com que o rendimento seja comprometido, mas essa é uma pergunta que temos que tomar bastante cuidado ao responder, levando em conta que o estresse e os problemas do dia a dia fazem parte da rotina de quase 100% da nossa sociedade. Tenho bastante alunos que vivem uma rotina de estresse, seja com metas a serem batidas no trabalho ou algum tipo de  pressão familiar; no entanto, em alguns casos, o treinamento entra exatamente como uma válvula de escape. Às vezes, a pessoa passa o dia todo estressado tentando resolver um determinado problema e não consegue achar a solução e quando vai fazer seu treinamento, consegue pensar em uma solução para seus dilemas pessoais. Mas pensando em um atleta com um nível técnico mais avançado, qualquer desvio de foco é capaz de afetar sua performance. Por isso tenho o costume de dizer que o nosso maior adversário esta dentro de nós mesmos”, explica Eduardo.  Continue reading “Cansaço e estresse podem prejudicar o rendimento na corrida”